Nas Notícias

DGS não confirma 250 infetados com sarampo

A Direção-Geral da Saúde (DGS) continua a monitorizar o surto de sarampo e já administrou 865 doses da vacina VASPR, que inclui sarampo e rubéola, a funcionários e doentes internados no Hospital de Santo António, no Porto. No entanto, a DGS não confirma os números adiantados pela SIC de que possam existir mais de 250 pessoas infetadas em Portugal.

Além dos casos verificados na unidade hospitalar da Invicta, em Braga e Coimbra a DGS também suspeita de casos, que estão em análise.

A SIC adiantou, neste domingo, que podiam existir 250 infetados com a doença.

Porém, a diretora-geral da Saúde não confirma estes números.

“Desconheço esse número. Não sei de onde veio esse número”, revelou Graça Freitas, em declaração ao Diário de Notícias.

Esta responsável de saúde salienta, no entanto, que o número de infetados aumentou desde a última atualização.

De 36 casos confirmados existem agora “117 suspeitos.”

Até este momento, estão na comunidade hospitalar a maior parte dos casos confirmados com sarampo.

Este é o terceiro surto em cerca de um ano devido ao sarampo.

A DGS apela a que as pessoas que suspeitam de ter contraído sarampo liguem para o SNS 24 (808 24 24 24).

0Shares

Em destaque

Subir