Nas Notícias

“Várias crianças com menos de 9 anos” infetadas sem estarem na festa em Lagos

A festa ilegal realizada em Odiáxere, no concelho de Lagos, provocou a infeção de “várias crianças com menos de 9 anos” que nem sequer estavam no local, revelou Graça Freitas.

Na conferência de imprensa sobre a situação epidemiológica no país, a diretora-geral da Saúde deu conta dos casos que resultaram dessa festa e que já estão confirmados oficialmente.

“Esta festa no Algarve gerou, até à data, cerca de 90 casos positivos, entre os que estiveram na festa e os que não estiveram na festa”, começou por realçar.

Foi então que Graça Freitas revelou que houve “várias crianças com menos de 9 anos de idade” a serem contagiadas por pessoas que estiveram na festa.

“Temos de ser criteriosos nos nossos ajuntamentos e convívios. Não podemos fazer festas como fazíamos antes, não só põem o risco a saúde dos próprios como a de terceiros e até a economia do próprio país”, frisou.

“A Direção-Geral da Saúde está muito sensível a que a economia funcione, mas para que funcione é preciso ter a situação epidemiológica controlada”, insistiu Graça Freitas.

Ao lado, a ministra da Saúde, Marta Temido, garantiu que “não está em causa um cerco sanitário” em Lagos, pedindo “responsabilidade” à população.

Antes, a governante tinha admitido que a situação na região de Lisboa e Vale do Tejo “ainda nos inspira alguma preocupação”.

0Shares

Em destaque

Subir