Desporto

Sousa Cintra revela preocupações de Bas Dost

Sousa Cintra, presidente interino da SAD do Sporting, revelou algumas das preocupações de Bas Dost no regresso ao clube, depois de ter avançado para a rescisão de contrato. “E se o Bruno voltar?”, lembrou.

As agressões na Academia de Alcochete levou Bas Dost, entre outros, a apresentar a rescisão de contrato com o Sporting.

À semelhança de Bruno Fernandes, Sousa Cintra conseguiu também o regresso do avançado, “sem nenhuma exigência”, como sublinhou, mas com algumas preocupações.

“A persistência é importante. Só perde quem desiste, quem me conhece sabe que luto até à exaustão. Bas Dost é um jogador indispensável à ambição do Sporting. Onde ia encontrar alguém com provas dadas, que teria de se ambientar, que fizesse tudo o que ele fez? Obviamente tive que enfrentar uma série de obstáculos”, começou por referir Sousa Cintra, em entrevista à CMTV.

O dirigente leonino acrescentou, no entanto, que o holandês expressou algumas preocupações, nomeadamente relativas ao possível regresso de Bruno de Carvalho.

“Ouvimos as preocupações dele. ‘E se ele volta? Vai haver eleições’. Tivemos essas conversas. Não há nenhuma cláusula que faça referência a um regresso de Bruno de Carvalho nem nenhuma cláusula sobre segurança”, frisou.

Sousa Cintra revelou que o avançado holandês tem um “contrato normalíssimo, sem qualquer tipo de cláusula”.

Este sábado, além do regresso de Bas Dost, o Sporting viu também tornada pública a penhora de duas contas, devido a dívidas ao Fisco e à Segurança Social.

Mais partilhadas da semana

Subir