Nas Notícias

Rui Rio “honrado” pelo eventual apoio do PS ao “militante” Marcelo na recandidatura a Belém

Rui Rio considerou ser “honroso para o PSD” que o PS venha a apoiar a recandidatura presidencial de Marcelo Rebelo de Sousa, um “militante” social-democrata.

Em entrevista à TSF, o presidente do PSD foi confrontado com as declarações de António Costa (secretário-geral do PS) durante a visita que o primeiro-ministro fez, com o Presidente Marcelo, à Autoeuropa.

É “até honroso para o PSD” que o “maior adversário” considere apoiar na corrida à Belém um “militante” do PSD, sustentou Rui Rio, referindo-se à esperada recandidatura de Marcelo, um antigo presidente do partido.

O PS já deu a entender que pode apoiar oficialmente a recandidatura de Marcelo Rebelo de Sousa e “o mais provável” é o PSD declarar também o apoio ao “militante”, acrescentou Rui Rio.

Ainda assim, o líder social-democrata salientou que “há muitos militantes do PSD” que preferiam que o Presidente da República fizesse “uma maior demarcação do Governo do que a que ele faz de quando em vez”.

Quem também se posiciona para concorrer a Belém é André Ventura, deputado do Chega.

“À partida, não há” coligações com o Chega nas próximas autárquicas, afirmou Rui Rio,

“Muito do que ele diz é por tática política, não por estar convencido do que está a dizer”, adiantou ainda o presidente do PSD.

0Shares

Em destaque

Subir