Nas Notícias

Bruno de Carvalho detido na sequência da invasão a Alcochete

Bruno de Carvalho e Mustafá, líder da Juventude Leonina, foram este domingo detidos no âmbito da investigação à invasão de Alcochete. Deverão ser presentes a juiz esta segunda-feira.

Bruno de Carvalho foi detido pelas 17h45 e levado para o tribunal do Barreiro para interrogatório sobre os acontecimentos na Academia de Alcochete.

De acordo com o Correio da Manhã, o líder da Juve Leo foi detido esta tarde, pelo DIAP de Lisboa em colaboração com a GNR.

Nuno Mendes, conhecido por Mustafá, não esteve presente no ataque a 15 de maio, mas é suspeito de ter ordenado a coordenar o mesmo.

A Procuradoria-Geral da República já confirmou as duas detenções.

Em outubro, recorde-se, as suspeitas do eventual envolvimento de Bruno de Carvalho subiram de tom, depois do oficial sportinguista de ligação aos adeptos ter confirmado que avisou pessoalmente André Geraldes sobre a ida da claque à Academia.

Nessa semana, Bruno de Carvalho apresentou-se no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP), voluntariamente, para prestar declarações sobre o caso.

A 15 de maio, um grupo de adeptos do Sporting invadiu a Academia do clube, em Alcochete, tendo agredido alguns jogadores.


Mais partilhadas da semana

Subir