Desporto

Barcelona surpreendido em casa pelo Bétis num jogo com 7 golos

O Barcelona perdeu hoje em Camp Nou com o Bétis por 3-4, num jogo em que o líder da liga espanhola de futebol viu esfumar-se a marca de 26 meses sem derrotas caseiras para o campeonato.

O Bétis realizou um primeiro tempo de luxo, com o português William Carvalho – um dos melhores em campo – a fazer a assistência para o primeiro tento do clube andaluz, finalizado pelo defesa esquerdo Firpo Junior (20 minutos).

Aos 34 minutos foi a vez do veterano Joaquin marcar para os sevilhanos, após passe do ex-portista Cristian Tello, possibilitando que o Bétis fosse para o intervalo com dois golos de vantagem sobre o colosso da Catalunha.

Na segunda parte, o Barcelona entrou decidido a dar a volta aos acontecimentos e chegou ao golo numa grande penalidade convertida por Lionel Messi (68 minutos), mas três minutos depois o Bétis voltou a alargar a vantagem graças a Lo Celso, que beneficiou de nova assistência de Tello.

Num jogo impróprio para cardíacos, o Barcelona voltou a responder através do chileno Arturo Vidal (79 minutos), mas o segundo amarelo visto por Ivan Rakitic logo a seguir dificultou ainda mais a vida dos catalães.

Sergio Canales surpreendeu novamente aos 83 minutos e finalizou uma boa jogada de contra-ataque dos andaluzes, com uma assitência primorosa de Firpo Junior, que se mostrou em grande forma.

Já nos descontos (90+2), Messi bisou na partida, mas já não houve tempo para evitar a primeira vitória do Bétis na Catalunha em 20 anos.

Apesar de continuar a liderar o campeonato, o Barcelona (24 pontos) tem agora uma vantagem de apenas um ponto sobre o Atlético Madrid, que no sábado arrancou a ferros uma vitória em casa contra o Athletic Bilbau, e sobre o Alavés, que recebeu e venceu hoje o Huesca por 2-1.

Neste jogo disputado em Vitória, no País Basco, e que foi pautado pelo equilíbrio, como demonstra a igualdade a uma bola ao intervalo (golos de Gomez para o Huesca aos 34 minutos e de Jony para o Alavés aos 40 minutos), o português Ruben Semedo esteve em destaque pela negativa, ao falhar num lance aos 67 minutos que permitiu a Sobrino marcar o golo do triunfo da formação da casa.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir