Hoje é dia

31 de março, a Torre Eiffel é inaugurada em Paris

Projetado por Gustave Eiffel, o monumento de Paris, um ícone da França, foi inaugurado a 31 de março de 1889. Neste dia, nasceu René Descartes, morreram Isaac Newton e Jesse Owens. Extingue-se a Inquisição em Portugal e dissolve-se o Pacto de Varsóvia.

A 31 de março de 1889, é inaugurado o arco de entrada da Exposição Universal de 1889: a Torre Eiffel. Um dia histórico, a origem de um dos mais fascinantes monumentos em todo o mundo, projetado por um engenheiro francês, também criador da Estátua da Liberdade.

A Torre Eiffel é o edifício mais alto de Paris e o monumento pago mais visitado do mundo (mais de sete milhões de pessoas, todos os anos).

Foi edificada para honrar o centenário da Revolução Francesa e tratava-se de uma estrutura temporária. No entanto, foi tomada a decisão de nunca a desmantelar.

A torre de Gustave Eiffel transformou-se num ícone da França e é uma das estruturas mais reconhecidas, não apenas pela sua dimensão – longos 324 metros de altura –, mas pela arte que ostenta e simbolismo que entretanto adquiriu.

Chegou a ter o título de estrutura mais alta do mundo. No entanto, em 1930 perde esse estatuto para o Chrysler Building, em Nova Iorque (EUA).

A 31 de março, recorda-se a inauguração do monumento que passou de provisório a eterno.

Outros factos eternos são também assinalados a 31 de março. Em 1371, celebra-se o Tratado de Alcoutim: D. Fernando e D. Henrique II de Castela comprometem-se a manter boas relações com o rei de França.

Também neste dia, em 1821, extingue-se a Inquisição em Portugal. Exatamente um ano mais tarde, dá-se o massacre de Quíos. A população daquela ilha grega é massacrada pelos turcos, depois de uma tentativa de rebelião.

No Brasil, em 1964, dá-se um golpe militar que derruba o presidente João Goulart. Inicia-se então o regime militar do marechal Castello Branco, que duraria mais de duas décadas, até 1985.

No dia 31 de março de 1991, dissolve-se o Pacto de Varsóvia, uma aliança militar formada pelos países socialistas do leste europeu e pela União Soviética, a 14 de maio de 1955.

E em 1994, a revista Nature anuncia a descoberta do primeiro crânio completo de um ‘australopithecus afarensis’, na Etiópia.

Nasceram neste dia o Papa Pio IV (1499), Henrique II de França (1519), René Descartes, matemático francês (1596), Papa Bento XIV (1675), Mariana de Bourbon, nobre portuguesa (1718), Charles Walcott, paleontólogo norte-americano (1850), e Al Gore, político norte-americano (1948).

Morreram a 31 de março Johann Christoph Bach, compositor alemão (1703), Isaac Newton, matemático e físico britânico (1727), Anne Frank, autora de ‘O Diário de Anne Frank’ (1945), e Jesse Owens, atleta norte-americano (1980).

129Shares

Mais partilhadas da semana

Subir