Hoje é dia

25 de outubro, nasce Pablo Picasso, o génio de Málaga

A 25 de outubro recorda-se Pablo Picasso, artista espanhol que deixou marca na pintura, escultura, cerâmica e na poesia. Nasceu em 1881 e a sua arte percorreu o mundo e o tempo, eternizando-se.

Pablo Diego José Francisco de Paula Juan Nepomuceno María de los Remedios Cipriano de la Santísima Trinidad Ruiz y Picasso. Um nome grande, na proporção do talento de um dos grandes mestres da arte do século XX.

Picasso nasceu em Málaga, Espanha, a 25 de outubro de 1881.

Herdou do pai o prazer pela pintura, ainda que o talento do filho seja imensamente superior. Desde cedo sentiu atração pela arte e era muitas vezes convidado pelo pai a terminar-lhe os quadros.

Com 14 anos, o pequeno Picasso superava as exigências das mais conceituadas academias de arte.

Mais tarde, muda-se para Madrid, para Barcelona e depois para Paris, onde exprime o seu talento, expondo ao lado dos maiores pintores do seu tempo.

Pablo Picasso é um dos artistas mais famosos e versáteis do mundo, com milhares de criações, desde pinturas em diversos tipos de materiais, a esculturas, passando pela cerâmica e até pela poesia.

É considerado cofundador do Cubismo, ao lado de Georges Braque. Expôs em Londres, Barcelona, um pouco por toda a Espanha, em Tóquio, em Lyon, Roma, Milão, São Paulo, nos EUA, por todo o mundo, inspirando-se em arte antiga do Renascimento, que admirava nos museus.

Morreu a 8 de abril de 1973, em Mougins, França, com 91 anos de idade.

Nasceram a 25 de outubro Johann Strauss II, compositor austríaco (1825), Georges Bizet, compositor francês (1838), Pablo Picasso, pintor espanhol (1881), William Higinbotham, físico norte-americano (1910), Jorge Batlle Ibáñez, ex-presidente do Uruguai (1927), e Katy Perry, cantora norte-americana (1984).

Morreram neste dia D. João II (1495), rei de Portugal, Amadeo de Souza Cardoso, pintor português (1918), August Arrhenius, químico sueco (1927), Robert Delaunay, pintor abstraccionista francês (1941), Roger Miller, músico e compositor norte-americano (1992), e Alfred Roth, arquiteto suíço (1998).

275Shares

Mais partilhadas da semana

Subir