Europa

Rainha Isabel II quase foi alvejada por um guarda do palácio real

A rainha Isabel II quase foi alvejada por um guarda da família real britânica. O episódio, agora divulgado, dá conta de um passeio da rainha, durante a madrugada. O guarda do Palácio de Buckingham pensou tratar-se de um intruso e por pouco não disparou.

Segundo conta o jornal britânico The Times, a rainha quase foi atingida a tiro, em nome da sua própria segurança.

Um guarda da família real fazia uma vigília noturna no Palácio de Buckingham, quando foi surpreendido pela presença de uma pessoa, que julgou ser um intruso.

A sorte da rainha foi o facto de o guarda ter feito uma pergunta antes de disparar. Quando a rainha se denunciou, gerou-se um diálogo curioso.

“Com os diabos, Sua Majestade. Quase lhe dei um tiro!”, afirmou o guarda. A rainha elogiou-o pela atitude zelosa. Afinal de contas, proteger o palácio real era a sua função.

O episódio termina com o sentido de humor de Isabel II: “Não há problema. Da próxima vez aviso-o, para que não tenha que me dar um tiro”.

Refira-se esta não é a primeira vez que um membro da família real é confundido com um instruso. Já ocorreu em 2013, com o príncipe André a passear durante a noite nos jardins do Palácio de Buckingham.

Veja o vídeo:


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir