Insólito

Vídeo: Polícias de calções são apreciadas no trânsito e criticadas nas redes

O autarca de Broummana, no Líbano, alterou a farda da força policial do município. As polícias com calções bem curtinhos fazem as delícias de quem circula, mas causam uma profunda irritação nas redes sociais.

Em pleno verão, Pierre Achkar criou uma força especial na polícia, composta apenas por mulheres, para tornar a cidade mais segura (e agradável) para os turistas.

O problema está na farda: é que as polícias usam calções bem curtinhos, não passando despercebida a quem circula sentado nos automóveis.

Aquilo que para muitos condutores é um prazer tem merecido duras críticas nas redes sociais, em particular pela “objetificação da mulher”.

“Só seria aceitável se os homens da polícia também andassem de calções. Como são só as mulheres, é perverso, sexista e desrespeitador”, indica um dos tweets mais populares sobre o caso.

“O próprio presidente da Câmara admitiu que fez isto para atrair as atenções e está claramente a resultar”, refere outro comentário: “Dito isto, é grosseiramente inapropriado, as mulheres são mais do que objetos para serem postas na montra e sexualizadas”.

Mas nem tudo são críticas, pois há quem elogie o autarca por “pensar de forma inovadora”.

“Alguém me pode explicar porque é que isto é inapropriado? Certamente que as mulheres consentiram em trabalhar assim vestidas”, defende outro dos tweets mais partilhados.

Veja o vídeo.


Mais partilhadas da semana

Subir