Motores

Título de Hugo Araújo no Picanto GT Cup foi o corolário de “uma época de sonho”

Hugo Araújo queria muito vencer no Circuito Estoril no encerramento do Kia Picanto GT Cup e conseguiu-o, adicionando a isso o título na categoria Pro.

Num fim de semana onde as condições atmosféricas não eram as melhores, o piloto de Braga juntou mais uma ‘coroa’ às conseguidas no Super Seven 1.6 e SuperSeven 420R em 2016 e 2017.

Logo nos treinos Hugo Araújo mostrou ao que ia, ainda que nem tudo corresse pelo melhor na qualificação: “Fruto do excelente trabalho da CRM Motorsport na preparação do Piri-Piri, comecei o fim-de-semana confiante de que podia fechar o ano cumprindo um objetivo que se foi alimentando ao longo da temporada, vencer as seis corridas em seis possíveis”.

“No entanto, e apesar de um bom terceiro lugar na qualificação 1 que nos dava boas perspetivas para a corrida de sábado, onde um problema técnico nos fez entrar na box logo na volta de formação. Apesar do esforço de toda a equipa para me fazer regressar, não conseguimos solucionar o problema”, explica o piloto minhoto, que terminaria a corrida no 10º posto,

Detetados e resolvidos os problemas técnicos Hugo Araúgo tinha melhores perspetivas para a corrida de domonho conseguiu vencer a corrida de sábado como desejava. Mas no final mostrava o seu contentamento pela obtenção do cetro: “Pela história do circuito, pelas corridas que aqui assisti do lado de fora a imaginar um dia poder ser eu a vencer, por ser novamente a pista onde alcanço o título, o terceiro consecutivo, e por conquistarmos as seis vitórias em seis possíveis. Foi uma época de sonho vencer na Falperra, em Vila Real, no Caramulo, em Braga, em Portimão e agora no Estoril. A CRM e toda a sua estrutura técnica merecia pois foram incansáveis e eu tive sempre um fantástico KIA Picanto, perfeito em quaisquer condições”.

No confronto de domingo uma saída para além dos limites quando o piloto de Braga lutava pela vitória relegou-o para a segunda posição, o que não lhe retirou a satisfação pela sua temporada, tecendo elogios ao Kia Picanto GT Cup: Não tenho dúvida que é o troféu que faltava! O carro é muito divertido de guiar, as corridas são de uma adrenalina constante. O espírito de grandes lutas em pista também é bom fora dela também está patente. A introdução da componente de pontuação media é totalmente pioneira, pelo que só me resta deixar rasgados elogios a todos os que se envolveram neste projeto”.

Mais partilhadas da semana

Subir