Motores

Tiago Guerreiro soma terceiro triunfo no Troféu Polaris RZR

Tiago Guerreiro esteve em grande no 32º Raid da Ferraria, onde somou o seu terceiro triunfo no Troféu Polaris RZR.
O jovem piloto da JB Racing/Rich esteve irrepreensível aos comandos do seu Polaris RS1 na prova organizada pelo Centro Cultural Recreativo e Desportivo da Ferraria nos concelhos de Abrantes e Gavião.

Guerreiro impôs-se perante uma forte ‘armada’ de modelos RZR do construtor norte americano, destacando-se também em termos absolutos na competição SSV do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno.

Desta vez o jovem piloto do Polaris RZR RS1 esteve envolvido na muito renhida classe TT2 destinada aos SSV de motor atmosférico, ao mesmo que se destacou no troféu da marca, onde bateu Nelson Saramago, que nesta prova foi acompanhado por João Azeiteiro, num Polaris RZR 1000 Turbo que o deixou a 1m19s do vencedor.

De regresso às competições o jovem João Pedro Carpinteiro, navegado por José Farinha Duarte, terminou em terceiro lugar lugar, à frente do veterano Pedro Fonseca que teve a seu lado o consagrado Rui Serpa.

A 38s do quarto classificado, Paulo Figueiredo completou o top cinco no Raid da Ferraria, e dessa forma subiu para a terceira posição do Troféu Polaris. Seguiu-se o estreante Carlos Antunes. David Gomes, que teve uma prova marcada por muita infelicidade, foi sétimo e o regressado João Conde que competiu com mais um RS1 terminou em oitavo.

Paulo Fernandes no SSV mais ‘idoso’ do CNTT fechou uma classificação que deixou de fora o regressado Sérgio Silva, piloto que liderava após a etapa inaugural, mas que viria a capotar no início do segundo dia.

108Shares

Mais partilhadas da semana

Subir