Motores

Santiago Urrutia o mais rápido no começo do TCR em Barcelona

Santiago Urrutia cotou-se como o piloto mais rápido nos treinos desta sexta-feira para a jornada do TCR em Barcelona. Evgeni Leonv foi melhor entre no TCR Ibérico.

O piloto espanhol mostrou ser importante o conhecimento do traçado catalão e tirou o máximo partido do seu Audi RS3 LM3 para realizar o melhor tempo, com uma volta em menos de 1m24s – o único a conseguir fazê-lo.

A marca de 1m53,960s foi obtida cinco minutos antes da sessão terminar, batendo por quatro décimas o britânico Josh Files, aos comandos de um Hyundai i30 N TCR.

O primeiro tempo significativo foi definido por Andreas Bäckman (1m54,881s), que melhorou duas vezes (1m54,779s e depois 1m54,637s) para finalmente ficar em sexto. Dominik Baumann foi o terceiro mais rápido, atrás de Urrutia e de Files, seguido por Nelson Panciatici e Julien Briché.

Daniel Lloyd, Mat’o Homola, Jimmy Clairet e Gilles Magnus completaram os dez primeiros, todos separados por oito décimos de segundo, enquanto Jessica Bäckman foi a 11ª mais rápida, à frente do impressionante novato Jack Young, 12º no Renault Mégane RS da Vuković Motorsport (1m 54,786s).

Se o russo Evgeni Leonov (CUPRA) voltou a ser o mais rápido entre os pilotos do TCR Ibérico, com 1:55.166, o que o colocou em 16º lugar absoluto, desta vez Francisco Mora (CUPRA), o grande dominador da competição na época em curso, já deu um ar da sua graça.

O piloto do Porto rodou em 1m55,234s, o que lhe valeu, durante algum tempo, a sétima posição, para acabar o dia no 19º lugar. Robin Vaks (Honda Civic Tyre R) foi creditado em 1m56,986s, conseguindo destacar-se do seu colega da ALM Honda Racing, Mattias Vahtel, que registou 1m57,845s. Gustavo Moura (Audi RS 3 LMS) não foi além de 1m58,321s.

1Shares

Em destaque

Subir