Apresentações/Novidades

Rio GT-Line um Kia com mais genica

A quarta geração do Kia Rio tem a partir de agora uma versão mais ‘musculada’; o GT-Line. Uma variante que promete mais genica ao modelo coreano, lançado inicialmente como um pequeno utilitário versátil.

Interessante o facto de que o Rio GT-Line, cuja apresentação europeia ocorreu extamente em Portugal, seja o terceiro modelo a receber a versão desportiva, depois de ter surgido nos ‘irmãos’ Picanto e Sportage, menos convencionais neste tipo de ‘graduação’.

Esta proposta ‘musculada’ para a gama Rio estreia um novo motor, e vem equipada a condizer, pois para além de um visual mais agressivo está dotado de muitos mais ‘itens’ que as variantes mais utilitárias do modelo.

Sobressai no exterior a grelha exclusiva, com um acabamento brilhante e uma moldura cromada, o pára-choques dianteiro com luzes diurnas LED e apontamentos em prteto e ainda um ‘lip spoiler’. Dpois há as capas dos retrovisores exteriores em preto, as saias laterais de maiores dimensões e as jantes em liga leve de 17 polegadas exclusivas, para além de uma dupla saída de escape.

No interior destacam-se os bancos em couro sintético e costuras de cor diferente. Couro que também reveste o volante. Nota também para os pedias em alumínio, que combinam com os puxadores cromados das portas e os apontamentos em alumínio da consola e do volante. No centro do painel de bordo situa-se um ecrã tátil de sete polegadas, que serve as funções do automóvel e está preparado para ser integrado com os sistemas Apple CarPaly e Android Auto, e inclui a câmara de visão traseira.

Mas o Kia GT-Line tem mais para oferecer, nomeadamente ao nível das ajudas à condução, como o sistema de assistência à travagem de emergência, reconhecimento de piões, aviso de mudança de faixa involuntário, assistyência à permanência em faixa e sistema de alerta à atenção do condutor.

2Shares

Em destaque

Subir