Motores

Prova de IndyCar em Toronto ameaçada

A prova de IndyCar prevista para 12 de julho em Toronto não se deverá realizar.

Isto porque para além de para já as fronteiras entre os Estados Unidos e o Canadá terem virtualmente fechadas, o evento da cidade canadiana requer 45 dias de preparação e construção para o traçado citadino desenhado em redor do Exhibition Place.

Além disso as autoridades da cidade anunciaram o cancelamento de quaisquer eventos e festivais em julho e agosto, com o Mayor de Toronto, John Tory afirmar que esta decisão proporciona “clareza para os organizadores começarem a planear estes eventos com o tempo de que precisam, antes de assinarem contratos significativos que poderiam ameaçar a sua viabilidade financeira”.

Na medida municipal está estipulado que eventos com mais de 250 pessoas estão cancelados até 31 de julho e eventos com mais de 25 mil estão cancelados até 31 de agosto. John Tory diz que vai propor fundos, que serão aprovados pelo concelho municipal, para ajudar os organizadores de eventos e festivais.

Estas verbas permitirão aos organizadores manterem operações essenciais e sobreviveram este ano preparando-se para o próximo evento, sendo que o Mayor de Toronto tem a esperança que as iniciativas agora canceladas possam ser realizadas no outono.

Para já a Green Savoree Promotions, responsável pelo Grande Prémio de Toronto de IndyCar, diz que ainda não desistiu de fazer a prova ainda este ano.

Mais partilhadas da semana

Subir