Nas Notícias

GNR apreende na A41 130 mil cigarros sem estampilha fiscal”

A GNR apreendeu na Autoestrada 41 (A41), na zona da Maia, distrito do Porto, 130 mil cigarros “sem estampilha fiscal” ou “documentação de suspensão de imposto”, avaliados em 26 mil euros e destinados a venda “fraudulenta”, foi hoje divulgado.

Em comunicado, a GNR revela que a Unidade de Ação Fiscal, através do Destacamento de Ação Fiscal do Porto, apreendeu na terça-feira “130 mil cigarros de diversas marcas, sem aposição de qualquer estampilha fiscal ou documentação que ateste a suspensão do imposto”.

“O valor dos bens apreendidos ascende aos 26 mil euros, representando um prejuízo para o Estado, em sede de Imposto sobre o Tabaco e IVA, de aproximadamente 21 mil euros”, descreve aquela força policial.

De acordo com a GNR, “foram ainda identificados dois condutores” e “elaborados dois autos de contraordenação por introdução irregular no consumo”.

A operação contou com o reforço do Destacamento de Ação Conjunta do Porto, da Unidade Nacional de Trânsito, acrescenta a GNR.

4Shares

Em destaque

Subir