Apresentações/Novidades

CF Moto 400 NK uma ‘naked’ ágil e eficaz

A nova 400 NK afirma-se como uma proposta racional para o crescente segmento das ‘naked’ no mercado nacional de motociclos.

Esta nova proposta da CF Moto junta a simplicidade à eficácia, alia o estilo à economia e adiciona fiabilidade à modernidade.

Um design contemporâneo mas descomplicado – saído mais uma vez do traço dos estúdios Kiska Design – caracteriza a 400 NK, que se afirma em vários parâmetros, nomeadamente ao nível da vanguarda mecânica e eletrónica, mas também em termos de desempenho e conformidade ambiental.

O painel de bordo desta moto distribuída entre nós pela Puretech é digital de cristais líquidos LCD, de fácil leitura para todas as funções, e combina perfeitamente com todo o estilo estético da 400 NK

A ciclística foi um dos aspetos pensados pela CF Moto na conceção desta ‘naked’, recorrendo a um quadro do tipo diamante em tubos de aço com elevada resistência torsional e peso reduzido. Fatores pensados em termos de maneabilidade. O raio de viragem do guiador é de apenas 5,4 metros.

Em termos de suspensões o maior destaque vai para o mono amortecedor traseiro a gás com ajuste de pré-carga, acionado por estrutura Cantilever, enquanto que à frente existe uma forqueta telescópica com 120 milímetros de curso. A agilidade desta 400 NK também fica muito a dever à curta distância entre eixos – somente 1,450 metros – e pela altura ao solo, que facilita imenso o acesso aos ocupantes.

Mas esta nova proposta da CF Moto também se destaca pelo seu eficaz sistema de travagem, desenvolvido em conjunto com a Continental, que maximiza a eficácia do duplo disco flutuante de 300 milímetros montado na dianteira, mordido por pinças de dois pistões, enquanto na roda traseira surge um disco de 220 mm e pinça de pistão simples.

E este sistema de travagem é bem necessário, porquanto a 400 NK é animada por um enérgico motor de dois cilindros paralelos de 400 cc de duas árvores de cames à cabeça com 41 cv de potência, servido por uma injeção eletrónica Bosch com corpos de acelerador de 38 milímetros, para melhorar a resposta e baixar as emissões poluentes.

Outra característica deste novo propulsor é o tensor hidráulico da corrente de distribuição, que oferece maior estabilidade e reduz o ruído de funcionamento, sendo que possui um escape de quatro câmaras progressivas, permitindo um desempenho desportivo sem comprometer as normas ambientais. Neste capítulo cumpre já com a normativa Euro4.

A 400 NK pode ter ‘alma’ desportiva, mas com um depósito de 17 litros permite uma grande autonomia nas deslocações quotidianas e escapadelas de fim de semana. Um aspeto a ter em conta para esta CF Moto proposta entre nós ao preço de 4990 euros.

Mais partilhadas da semana

Subir