Motores

Campeão do mundo de ralis limitado a duas escolhas

opcoessebastienogier1

Sebastien Ogier fez saber que se vai decidir esta semana entre duas possibilidades para participar no campeonato do mundo de ralis do próximo ano, depois de ter ficado ‘apeado’ na sequência da retirada da modalidade por parte da Volkswagen.

O campeão do mundo testou os carros que Toyota e Ford M-Sport vão utilizar a partir da próxima época e não ficou seduzido pelo da marca japonesa, mas isso não significa que se vá inclinar pelo Fiesta WRC 2017.

Pelas suas palavras Ogier está indeciso entre o carro da Ford e a possibilidade de vir a competir de forma privada, especulando-se se nesse caso utilizaria um VW Polo WRC ou um Citroën C3 WRC.

“Não posso garantir que esteja à partida do Rali de Monte Carlo. Quero estar num carro que me dê as melhores hipóteses de vencer. Preciso disso para me manter motivado, e também quero estabilidade para o futuro. Tenho opções para um contrato de um ano ou dois. Não se trata de dinheiro. Tem a ver com o potencial. Há duas possibilidades para mim”, afirma o francês.

Os testes já lhe deram uma noção do potencial dos novos Ford Fiesta WRC e Toyota Yaris WRC, e não ficou com a melhor impressão do carro japonês: “Não é muito bom no asfalto, embora seja melhor em terra. Estava muito escorregadio por isso não pôde mostrar o seu potencial, mas também é verdade que nessas condições pode-se perceber-se bem o que está mal com o carro”.

Como não houve críticas ao Fiesta WRC, depreende-se que Sebastien Ogier esteja interessado na proposta de Malcom Wilson. Tanto mais que este se mostrou bastante interessado em contar com os serviços do campeão do mundo.

opcoessebastienogier2

2Shares

Mais partilhadas da semana

Subir