Hoje é dia

19 de março, nasce o empresário António Champalimaud

Na freguesia da Lapa, em Lisboa, nasceu a 19 de março de 1918 António de Sommer Champalimaud. Viria a tornar-se o homem mais rico de Portugal. Figura polémica, construiu um império durante a ditadura do Estado Novo. Hoje, celebra-se o Dia do Pai.

António de Sommer Champalimaud é uma figura incontornável do século XX português. Filho de um médico militar rico, produtor de vinhos do Douro, de uma família de fidalgos da Casa Real, e de Ana de Sommer, neta de um barão da família alemã radicada em Lisboa, destacou-se pelo império que construiu, sob a capa do Estado Novo de Salazar.

Tornou-se o homem mais rico de Portugal, com uma fortuna avaliada em 1,3 mil milhões de euros. Chegou a fazer parte da lista dos multimilionários da Forbes, em 2004, sendo considerado o 153.º mais rico do mundo.

Angola, Moçambique e Brasil foram os países onde desenvolveu os principais negócios. António Champalimaud morreu a 8 de maio de 2004, na cidade que o viu nascer.

Outros factos se sublinham, neste 18 de março. Em 1549, é fundada a primeira capital do Brasil: Salvador. Já em 1915, Plutão é fotografado pela primeira vez, mas não é reconhecido como planeta.

Na Austrália, a ponte da Baía de Sydney é inaugurada em 1932, oito anos após o início da sua construção. Também a dia 18 de março, mas em 1943, Frank Nitti – chefe da máfia de Chicago depois de Al Capone – suicida-se com dois tiros na cabeça, em Illinois (EUA).

A cerimónia dos Óscares é transmitida pela primeira vez na televisão em 1953. E em 2004, o presidente de Taiwan, Chen Shui-bian, é baleado em vésperas das eleições presidenciais, que iriam decorrer a 20 de março.

Nasceram a 19 de março João IV, (1604), João de Saldanha da Gama, vice-rei da Índia Portuguesa (1674), Jean Calas, mercador francês (1698), Maria José de Bragança, infanta portuguesa (1857), Manuel Ribeiro de Pavia, pintor português (1910), António Champalimaud, empresário português (1918), Maria Cavaco Silva, professora universitária portuguesa (1938), Glenn Close, atriz norte-americana (1947), Herman José, humorista português (1954), e Bruce Willis, ator norte-americano (1954).

Morreram neste dia Papa Clemente XI (1721), António da Madre de Deus Galvão, religioso português (1764), Eduard Zeller, filósofo alemão (1908), e Arthur C. Clarke, cineasta britânico (2008).

No dia 19 de março celebra-se o Dia do Pai.

25Shares

Mais partilhadas da semana

Subir