Hoje é dia

19 de agosto, Bernstein rege o último concerto, a 7.ª Sinfonia de Beethoven

Hoje é dia de recordar Leonard Bernstein, maestro, compositor e pianista norte-americano que guardou a batuta a 19 de agosto de 1990, regendo a 7.ª Sinfonia de Beethoven. Hoje, assinala-se o Dia Mundial Humanitário.

O maestro Leonard Bernstein liderou a Boston Symphony no dia 19 de agosto de 1994, para a sua despedida, ao som de Beethoven. Vencedor inúmeros Emmys, Bernstein foi o primeiro compositor norte-americano do século XX a ser reconhecido mundialmente.

Ficou famoso na direção da Filarmónica de Nova Iorque, com concertos célebres para jovens na televisão (‘Young People’s Concerts’), entre 1954 e 1989, e em composições como ‘West Side Story’, ‘Candide’ e ‘On the Town’.

Tornou-se numa das personagens mais influentes na história da música clássica norte-americana, apoiando diversos compositores e inspirando carreiras de uma geração de novos músicos.

Neste dia, recorda-se Leonard Bernstein, que morreu a 14 de outubro de 1990, dois meses depois deixar a orquestra.

Nasceram a 19 de agosto Coco Chanel, estilista francesa (1883), Jerzy Andrzejewski, escritor polaco (1909), Rajiv Gandhi, primeiro-ministro da Índia (1944), Ian Gillan, vocalista dos Deep Purple (1945), Bill Clinton, ex-Presidente dos EUA (1946), John Deacon, baixista dos Queen (1951), e Maria de Medeiros, atriz e realizadora portuguesa (1965).

Morreram neste dia Otávio Augusto, Imperador Romano (14), Blaise Pascal, filósofo, físico e matemático francês (1662), Vilfredo Pareto, político, sociólogo e economista italiano (1923), Federico García Lorca, escritor espanhol (1936), e Linus Pauling, químico norte-americano (1994).

Mais partilhadas da semana

Subir