Hoje é dia

14 de dezembro, nasce Beatriz Costa, ícone da cultura popular

Atriz de teatro e cinema, Beatriz Costa transformou-se num ícone da cultura popular portuguesa. Nasceu a 14 de dezembro de 1907, em Mafra, e é recordada hoje, dia do seu aniversário.

Beatriz Costa estreou-se no teatro de revista com 15 anos, em ‘Chá e Torradas’, no Éden Teatro, um ano antes de atuar no Maria Vitória (Parque Mayer).

Levou o seu talento ao palco, reconhecido de forma imediata, e ingressa na companhia do Teatro Avenida estreando-se, no mesmo ano, no Rio de Janeiro, onde é felicitada pela imprensa e pelos espectadores.

Regressa a Lisboa em 1925, ano em que, com a Companhia do Trindade segue para o Porto, apresentando-se no Sá da Bandeira, e integra uma Companhia de operetas sediada no Teatro São Luiz.

Depois de pisar os grandes palcos do teatro, Beatriz Costa estreia-se no cinema, trabalhando com o realizador Manoel de Oliveira, antes de regressar ao Brasil, em 1929, onde é relembrada como grande atriz nos grandes órgãos de comunicação social da América do Sul.

Recebe um convite para permanecer no Brasil, mas decide recusar e regressa a Portugal, onde prossegue a sua carreira, quer no teatro, quer no cinema.

É alvo de homenagens e reconhecimento até que em 1933 a sua imagem imortalizava-se o filme ‘A Canção de Lisboa’, de Cotinelli Telmo, ao lado de António Silva e Vasco Santana.

Numa altura em que Beatriz Costa e Vasco Santana são eleitos ‘príncipes do cinema português’, protagoniza ‘A Aldeia da Roupa Branca’, de Chianca de Garcia, aquele que seria o seu último filme.

Depois de redescobrir os grandes êxitos da sua carreira, a partir de 1960 começa a viajar por todo o mundo, assistindo a festivais de teatro, de Ocidente a Oriente. Conheceu personalidades como Salvador Dali, Pablo Picasso, Sophia Loren, Greta Garbo, Edith Piaf, entre outros.

Com o 25 de Abril, passa a publicar livros sobre a sua vida. Apesar das muitas propostas para regressar aos palcos, preferiu ficar longe da sua paixão, em virtude de uma opinião que mantinha, relativamente ao teatro de revista: “está decadente”, defendera.

Um grupo de jovens chegaria a propor uma candidatura simbólica nas presidenciais de 1985, como forma de comemorar ‘O Ano Internacional da Juventude’, de 1986. Mas Beatriz Costa nunca quis protagonismos políticos, mesmo que carregados de simbolismo.

Parte na manhã de 15 de abril de 1996, contava então 88 anos. Morre num quarto do sexto andar do Hotel Tivoli Lisboa.

Está sepultada no cemitério da Malveira. Mas Beatriz Costa é um nome que permanece vivo.

Nasceram a 15 de dezembro Nostradamus, astrólogo e matemático francês (1503), José Acúrsio das Neves, político, magistrado, historiador, ensaísta e pioneiro dos estudos sobre a economia portuguesa (1766), James Harold Doolittle, general norte-americano (1896), Beatriz Costa, atriz portuguesa (1907), Eva Wilma, atriz brasileira (1933), e Dilma Rousseff, presidente do Brasil (1947).

Morreram neste dia São João da Cruz (1591), George Washington, primeiro presidente dos EUA (1799), Jean Louis Rodolphe Agassiz, zoólogo e geólogo suíço (1873), Sidónio Pais, quarto presidente da República Portuguesa (1918), e Andrei Sakharov, físico russo (1989).

Mais partilhadas da semana

Subir