Mundo

Trump relança ameaça de impor tarifas a automóveis europeus

O Presidente norte-americano, Donald Trump, relançou hoje em Davos, Suíça, a ameaça norte-americana de imposição de tarifas sobre as importações europeias de automóveis.

“É mais difícil negociar com a União Europeia do que com quem quer que seja. (A UE) lucrou com o nosso país durante tantos anos”, afirmou Trump numa entrevista à Fox News.

“No fim será muito simples porque se não pudermos fazer um acordo comercial (com a UE), deveremos impor uma tarifa de 25% sobre os automóveis (europeus)”, adiantou Trump.

Numa outra entrevista à CNBC em Davos, o Presidente norte-americano classificou o construtor Boeing, mergulhado na crise do 737 MAX, como uma “grande grande deceção”.

A “Boeing é uma grande grande deceção para mim”, afirmou.

A norte-americana Boeing anunciou na terça-feira que o 737 MAX não voará antes de meados de 2020, devendo assim aumentar a conta dos contratempos deste avião, no chão há mais de dez meses na sequência de dois acidentes, dos quais resultaram 346 vítimas mortais.

Na entrevista à CNBC em Davos, o Presidente norte-americano também pediu à norte-americana Apple para “ajudar” a polícia a ter acesso a dados criptografados dos seus telefones, caso seja necessário.

Este conflito entre o Governo e a gigante da tecnologia é recorrente.

“A Apple deve nos ajudar. Eu realmente quero. Eles têm a chave para ter acesso a tantos criminosos”, disse Trump.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir