Nas Notícias

Secretária de Estado Ana Mendes Godinho encabeça lista da Guarda do PS nas próximas legislativas

A secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, vai encabeçar a lista do PS pelo círculo da Guarda nas próximas eleições legislativas, anunciou hoje a secretária-geral adjunta socialista, Ana Catarina Mendes.

Tal como a agência Lusa tinha avançado na segunda-feira, Ana Catarina Mendes confirmou que a secretária de Estado da Educação, Alexandra Leitão, irá encabeçar a lista socialista pelo círculo eleitoral de Santarém.

As duas secretárias de Estado, que vão encabeçar as listas socialistas pela Guarda e por Santarém, não foram candidatas a deputadas nas eleições legislativas de 2015.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Federação de Santarém do PS, António Gameiro, disse que a escolha de Alexandra Leitão para cabeça-de-lista pelo seu distrito “muito orgulha” os órgãos distritais.

Em Santarém, onde o PS elegeu três deputados em nove em 2015, a lista socialista teve há quatro anos como cabeça de lista o atual ministro do Trabalho e da Segurança Social, José António Vieira da Silva.

Na Guarda, em 2015, a lista socialista foi encabeçada por António José Santinho Pacheco, seguido da atual porta-voz deste partido, Maria Antónia de Almeida Santos. Nas eleições legislativas de outubro próximo, neste círculo eleitoral serão apenas eleitos quatro deputados, em vez de cinco como há quatro anos.

No PS, a escolha dos cabeças de lista nos círculos eleitorais em território nacional é da competência do secretário-geral deste partido, António Costa, que tem conduzido este processo com a “número dois” da sua direção.

As listas de candidatos a deputados às eleições legislativas serão aprovadas na próxima terça-feira em reunião da Comissão Nacional do PS, cabendo ao secretário-geral socialista, de acordo com os estatutos deste partido, indicar cerca de um terço dos candidatos.

Na última Comissão Nacional do PS, ficou definido que as listas dos socialistas deveriam ser tendencialmente paritárias, sobretudo nos maiores círculos eleitorais do país.

O processo de escolha dos candidatos a deputados do PS começou na sexta-feira, nos Açores, com a ex-secretária regional Isabel Rodrigues a substituir o atual líder parlamentar e presidente do partido, Carlos César, no lugar de cabeça de lista.

Vasco Cordeiro, líder do PS/Açores, considerou que a cabeça de lista revela “experiência e capacidades políticas” que “dão garantias” de que irá responder com sucesso aos desafios que se vão colocar à região autónoma na Assembleia da República.

Nos restantes lugares considerados de eleição quase segura, estão os atuais deputados Lara Martinho e João Castro, respetivamente nas segunda e terceira posições.

Isabel Rodrigues, que será a cabeça de lista pelo círculo dos Açores, tem 54 anos, é licenciada pela Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa e detentora de uma pós graduação em proteção de menores pelo Centro de Direito da Família da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra.

Assume as funções de presidente do Comissariado dos Açores para a Infância desde 2016, foi secretária regional adjunta da Presidência para os Assuntos Parlamentares (2014-2016) e deputada à Assembleia Legislativa pelo círculo eleitoral de São Miguel (2008-2012 e 2012-2014).

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir