Motores

Rali Terras D’ Aboboreira em três concelhos

O Rali Terras D’Aboboreira, que vai para a estrada a 6 e 7 de setembro, marca o regresso do Campeonato de Portugal da especialidade (CPR) após a pausa de verão, e traz novidades.

A prova organizada pelo Clube Automóvel de Amarante, a sétima da temporada no CPR, envolve este ano três concelhos – Amarante, Baião e Marco de Canaveses.

Não foi assim estranho que o evento fosse apresentado em Baião, sendo que este rali, o terceiro do ano em pisos de asfalto, surge numa altura em que o campeonato está bastante disputado, com Ricardo Teodósio, Armindo Araújo e Bruno Magalhães a surgirem como os pilotos mais bem colocados para discutirem o título.

Relativamente ao Rali Serras D’Aboboreira contemplará este ano uma dezena de classificativas, totalizando 104 quilómetros cronometrados, com a prova a arrancar na manhã de sexta-feira, 6 de setembro, com a realização do ‘Qualifiyng’ e do ‘Shakedown’.  Depois, pelas 16h00, os concorrentes arrancam do Marco de Canaveses para uma dupla passagem pelo troço ‘Rio Tâmega’, antes de rumarem à super especial de Baião, bem no coração da vila, cujo o início está previsto para as 21h15.

No sábado, 7 de setembro, têm lugar as passagens duplas pelas especiais de ‘Marcos Rios de Emoção’ – com traçado completamente novo, ‘Baião Vida Natural’ e ‘Carvalho de Rei’, este numa versão encurtada. Depois a especial ‘Marão’, a última e a mais longa do rali (com mais de 17 km) é o último desafio antes do final da prova, com a chegada ao pódio em Baião.

A partida e chegada, bem como as zonas de assistência e reagrupamento, dividem-se entre Baião, Amarante e Marco de Canaveses, de modo a que os fãs se desloquem e conheçam cada um dos concelhos envolvidos.

Mais partilhadas da semana

Subir