Apresentações/Novidades

PSA e Ford encerram fábricas e Autoeuropa suspende turnos

A pandemia de coronavírus levou alguns construtores de automóveis a suspenderem a sua atividade industrial. Foi caso do Grupo PSA (Peugeot/Citroën/DS/Opel-Vauxhall) e da Ford.

Por cá a Autoeuropa suspendeu os turnos de produção noturna em Palmela, apesar de pressões dos representantes dos trabalhadores para encerrar a fábrica portuguesa do Grupo Volkswagen.

A pandemia do Covid-19 levou a que o Presidente do Conselho de Administração da PSA, juntamente com os membros da Célula de Crise, dar início ao fecho das instalações de produção de veículos, até ao dia 27 de março.

Segundo um planeamento pré-definido, haverá o encerramento dos centros de produção de órgãos mecânicos, que será ajustado em conformidade. As equipas de gestão das fábricas irão implementar, localmente, as modalidades de encerramento das mesmas, que serão efetuadas em coordenação com os parceiros sociais.

A PSA lembra que o cumprimento das medidas de proteção vai além das recomendações das autoridades sanitárias nestes locais de produção, porque no seu entender é a melhor proteção para evitar a propagação do vírus.

Entretanto a Ford vai fechar a sua fábrica em Valência, Espanha, durante uma semana, depois de três funcionários terem testado positivo para o coronavírus. “Tivemos três casos positivos de COVID-19 na fábrica da Ford Valência nas últimas 24 horas”, comunicou a empresa, acrescentando que seguiu o protocolo, isolando todos os funcionários que tiveram contato com os trabalhadores infetados.

A fábrica, uma das maiores da Ford fora dos Estados Unidos, emprega mais de sete mil trabalhadores e produz mais de 400 mil veículos por ano, incluindo os modelos Mondeo e Galaxy.

Já a Autoeuropa irá suspender a laboração nos turnos da noite e da manhã de segunda-feira porque muitos trabalhadores vão ficar em casa com os filhos, devido ao encerramento das escolas, segundo confirmou a agência Lusa depois de falar com a Comissão de Trabalhadores.

De acordo com o coordenador da Comissão de Trabalhadores da empresa, “os turnos da noite (com início às 00:00) e da manhã (07:45) de segunda-feira não iriam arrancar devido à falta de pessoal”, sendo que hoje a Autoeuropa vai tentar um plano de reorganização para ver em que condições e quando será possível retomar a atividade.

Atualmente, a fábrica da Autoeuropa é responsável pela produção do Volkswagen T-Roc, um SUV de segmento médio que tem tido boa aceitação no mercado europeu.

0Shares

Em destaque

Subir