Benfica

Niko Kovac quer ganhar na Luz, mas admite que empate não seria um mau resultado

Niko Kovac, treinador do Bayern Munique, disse hoje em conferência de imprensa, no Estádio da Luz, que quer estrear-se com uma vitória na fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol frente ao Benfica.

O técnico de 46 anos, que faz a sua primeira época no comando técnico dos hexacampeões alemães, quer imitar o começo vitorioso que a equipa teve na Bundesliga – com três triunfos em três jogos –, mas admitiu que um empate não seria um drama para os bávaros.

“Queremos ganhar amanhã [quarta-feira] e fazer o mesmo que no campeonato. Seria importante, mas se empatarmos viveremos bem com isso”, disse.

O croata elogiou o Benfica e os adeptos portugueses, lembrou o domínio que as ‘águias’ têm tido nos últimos anos no futebol português, mas ressalvou que a Champions é “um nível diferente” e que, por isso, está confiante na conquista dos primeiros três pontos.

“Não somos arrogantes, mas estamos confiantes. Amanhã será certamente um jogo difícil, mas só pensamos em ganhar”, assumiu.

Um dos temas que esteve em destaque na conferência do treinador dos alemães foi o papel que Renato Sanches pode ter na equipa alemã, e o treinador revelou que o português está a trabalhar bem e pode ter uma oportunidade em breve.

“O Renato está no bom caminho, mostrou-se bem e agora faz parte desta equipa. Num futuro breve, quem sabe se amanhã, irá jogar. Conhecemos as qualidades dele, é jovem e com potencial para evoluir. Estou certo de que ajudará o Bayern a ter êxito, pois tem evoluído em termos mentais e físicos”, afirmou o técnico, que admitiu que o médio teve uma adaptação difícil à realidade alemã.

“Não passou um período de adaptação fácil e temos de lhe dar o tempo suficiente para que se possa integrar. Acho que este ano as coisas estão a correr muito bem e desejo que ele jogue e faça muitos jogos”, concluiu.

Na sala de imprensa do Estádio da Luz esteve também Manuel Neuer, guarda-redes do Bayern Munique, que recordou os embates de há três anos frente ao Benfica, nos quartos de final da ‘Champions’, e assumiu que esta quarta-feira espera novas dificuldades frente aos ‘encarnados’.

“Foi uma eliminatória difícil a desse ano. Hoje falamos de um jogo da fase de grupos, mas sabemos que não será fácil. No entanto, chegamos aqui muita confiança, começámos bem a época e amanhã queremos começar com uma vitória e os primeiros três pontos.”

Sobre Renato Sanches, o internacional alemão, tal como o treinador, afirmou que o jovem português “teve uma adaptação difícil” à realidade da Bundesliga, mas garantiu que o antigo jogador do Benfica está muito a tempo de ajudar o Bayern nas conquistas desta época.

Mais partilhadas da semana

Subir