Motociclismo

Maverick Viñales coloca Suzuki no topo dos testes em Phillip Island

MavVinalesPhillipIsland116

Depois de um primeiro dia marcado pelo mau tempo, os testes de MotoGP em Phillip Island tiveram uma jornada mais produtiva com o aparecimento do sol na ilha australiana.

Embora da parte da manhã a ação tenha sido limitada, à tarde tudo foi mais movimentado, mesmo apesar de uma pequena interrupção devido a uma chuva breve.

Trabalhando com as várias misturas de pneus da Michelin, sobretudo as intermédias, os pilotos sentiram-se progressivamente mais à vontade, com Valentino Rossi, Maverick Viñales e Marc Marquez a passaram pelo topo da tabela de tempos,

As exigências do traçado australiano, nomeadamente na parte lateral esquerda dos pneus, especialmente nas últimas curvas, levaram a Michelin a produzir um composto duplo, de modo a melhorar o desempenho.

MarquezPhillipIsland116

Viñales acabaria com o melhor tempo, sendo o primeiro piloto a fazer uma volta abaixo de 1m30s, a meio da jornada, antes de melhorar substancialmente a sua marca, ao rodar em 1m29,131s na sua 63.ª volta.

Nos últimos cinco minutos da sessão o espanhol da Suzuki e Marc Marquez trocaram voltas, acabando Viñales por ser 0,161s mais rápido que o piloto da Honda, onde ambos os pilotos rodaram com duas variantes de chassis, equipadas com o motor ‘Evo’ de 2016 estreado no teste privado de Jerez.

Jorge Lorenzo foi o melhor da Yamaha, ao realizar o terceiro melhor tempo (1m29,357s), na melhor das 65 voltas realizadas em Phillip Island. O campeão do mundo não fez mais do que seis voltas lançadas consecutivas.

De referir que a Magnetti Marelli espera que nestes ensaios os pilotos cumpram distâncias de corrida, de modo a poder avaliar a nova eletrónica nessas condições.

Mais partilhadas da semana

Subir