Motores

Luís Mota vai tentar fazer o seu melhor em Monchique

LuisMotaMonchique1

Luís Mota promete fazer o seu melhor este fim-de-semana no Rali Vila de Monchique, quarta prova pontuável para o campeonato FPAK de Ralis. Um evento organizado pelo Clube Automóvel do Sul em pisos de asfalto.

Por não ser um terreno favorável ao Mitsubishi Lancer Evo VII, o piloto do Cartaxo sabe que vai estar um pouco fora do seu elemento, por isso o seu pensamento estar em limitar as perdas.

“Não é o tipo de piso onde nos sentimos mais competitivos, mas vamos fazer os possíveis para fazer um bom rali, sem erros, e acima de tudo divertir também. Temos um bom carro, uma boa equipa, já provamos ser rápidos no asfalto, mas temos noção que a concorrência vai ser forte, mas vamos dar o nosso melhor e fazer o melhor resultado possível na geral”, afirma Luís Mota, que volta a ter Alexandre Mota como navegador.

FernandoTeotonioMonchique

Já a outra dupla da Competisport, Fernando Teotónio e Luís Morgadinho tem ambição de lutar pelo pódio, numa prova em que vão alinhar outros fortes candidatos aos lugares da frente.

A equipa do Mitsubishi Lancer Evo VII vem de um bom resultado no Rali Vinho Do dão, pretendendo dar continuidade ao bom andamento evidenciado na prova em piso de terra.

“Vai ser o nosso regresso ao asfalto, já não rodamos há algum tempo neste tipo de piso, vamos tentar fazer um bom rali, evoluir a cada especial com o carro e acima de tudo fazer uma boa colheita de pontos para o campeonato de forma a nos ser possível mantermos na luta pelo título”, salienta o piloto do Fundão.

O Rali vai para a estrada este sábado, pelas 16h10, arrancando para uma dupla passagem pela especial da Picota e a super especial de Monchique. No Domingo tempo para uma tripla passagem pelas classificativas da Foia e Corchas do pódio final às 14h26.

4Shares

Em destaque

Subir