Apresentações/Novidades

Lucro da BMW cai 8,7% nos primeiros nove meses para 5788 milhões

O lucro da BMW caiu 8,7 por cento nos primeiros nove meses deste ano, para 5.788 milhões de euros, na comparação com igual período do ano passado, avançou hoje o fabricante alemão de veículos de luxo.

No terceiro trimestre, o resultado líquido da BMW recuou 23,9 por cento, para 1.405 milhões de euros, refere o fabricante em comunicado, justificando que este comportamento se ficou a dever à implantação dos novos ‘standards’ para as emissões de gases poluentes, às provisões para fazer face à recolha de automóveis para revisão das anomalias, bem como às tarifas aduaneiras aplicadas nos dois grandes países mundiais (Estados Unidos e China).

O resultado operacional líquido (Ebit) caiu 11,2 por cento até setembro, para 7.224 milhões de euros, e a faturação caiu 1,2 por cento no mesmo período, para 72.460 milhões de euros.

O presidente da BMW, Harald Krüger, afirmou que “a orientação em relação ao futuro tem uma prioridade absoluta”, manifestando-se otimista em superar “os difíceis desafios”.

Mais partilhadas da semana

Subir