Fórmula 1

Ferrari é ouvida amanhã sobre a penalização a Vettel no Canadá

A Ferrari foi convocada para uma audiência amanhã no Circuito de Paul Ricard, de modo a avançar com os novos elementos que diz ter sobre a controversa penalização atribuída a Sebastian Vettel no Grande Prémio do Canadá de Fórmula 1.

Os representantes da equipa de Maranello vão reunir-se com os comissários desportivos da prova de Montreal após o pedido da ‘Scuderia’ para rever a decisão de penalizar Vettel em cinco segundos, que custou ao alemão aquela que seria a sua primeira vitória da temporada.

Para além dos cinco segundos, a decisão retirou dois pontos à licença desportiva de Sebastian Vettel, por considerar que o piloto germânico da Ferrari regressou à pista de forma perigosa prejudicando Lewis Hamilton, com quem discutia a primeira posição na corrida anterior à que domingo se disputa no traçado francês de Paul Ricard.

O Código Desportivo Internacional permite aos concorrentes uma revisão das decisões caso possuam novas provas que na altura da decisão dos comissários não estavam disponíveis.
Nos termos do artigo 14.1.1 do código, a FIA pode reunir novos comissários ou substitutos para examinar novamente o caso.

A Ferrari apresentou seu pedido de revisão oficial e hoje, na véspera do Grande Prémio da França, comunicou a decisão para convocar os comissários do Grande Prémio do Canadá – Emanuele Pirro, Gerd Ennser, Mathieu Remmerie e Mike Kaerne – para uma audiência em Paul Ricard.

Os comissários na França são completamente diferentes daqueles presentes ​​no Canadá. São Tim Mayer, Mathieu Remmerie, Yannick Dalmas e Jean-Marie Krempff quem assume a responsabilidade em Paul Ricard.
No entanto, é uma prática padrão para os comissários da corrida em que o incidente ocorreu para realizar a audiência, se é possível para eles participar, e todos os comissários de Montreal puderam estar presentes na França.

3Shares

Mais partilhadas da semana

Subir