Motores

“Estivemos sempre muito próximos da frente do Rali” Vidreiro diz Bruno Magalhães

Bruno Magalhães voltou a estar na luta pelas posições cimeiras e a subir ao pódio no Campeonato de Portugal de Ralis, ao ser terceiro no Rali Vidreiro Centro de Portugal.

Mais do que o resultado em si foi o facto do piloto do Team Hyundai Portugal ter mostrado andamento para discutir vitórias, e ter ganho especiais, terminando a pouco mais de oito segundos do vencedor.

Para além do pódio, foi também importante para Bruno Magalhães ir para a derradeira prova da temporada, o Rali do Algarve, com possibilidades de ainda chegar ao título nacional.

A terceira posição nesta penúltima prova da época é vista pelo piloto de Oeiras como um excelente resultado, já que há vários anos que não alinhava na prova do Clube Automóvel da Marinha Grande, caracterizada por um asfalto muito diferenciado entre classificativas e onde a aderência era por vezes bastante escassa.

“Estávamos na expectativa pois já não disputávamos este rali há 10 anos. Felizmente, percebemos logo no início que estávamos competitivos e estivemos sempre muito próximos da frente do rali”, começa por dizer Bruno Magalhães.

O piloto da Hyundai destaca também: “Ganhámos dois troços, lutámos pela vitória e ficámos muito satisfeitos com a nossa performance. Obrigado à equipa pois o nosso Hyundai esteve excelente e este resultado deixa tudo em aberto para a última prova, no Algarve, onde obviamente vamos tentar chegar ao título”.

A nona e última prova do Campeonato de Portugal de Ralis será o Rali Casinos do Algarve, que será disputado entre os dias 31 de outubro e 2 de novembro, nos troços de asfalto da região algarvia.

4Shares

Mais partilhadas da semana

Subir