Motores

Elfyn Evans soberano no primeiro dia do Rali da Suécia

Elfyn Evans dominou o primeiro dia do Rali da Suécia, segunda prova do Campeonato do Mundo da especialidade, que hoje se iniciou em Karlstad.

O galês da Toyota, que já tinha mostrado a sua rapidez no ‘shakedown’ da véspera, conseguiu concluir as cinco primeiras especiais do evento escandinavo na frente da classificação geral com oito segundos e meio de vantagem sobre Ott Tanak, no melhor dos Hyundai.

Se na quinta-feira à noite tinha sido o jovem Kalle Rovanpera a brilhar ao ficar logo atrás de Evans, hoje Tanak conseguiu imiscuir-se entre os dos pilotos da Toyota e terminar esta primeira jornada na segunda posição e ganhar mais de cinco segundos ao jovem finlandês.

Rovanpera está no entanto na luta pela vitória num rali que, como já se previa, está a ser afetado pela falta de neve, ‘cartaz’ deste segundo evento do WRC 2020, cujo primeiro dia foi claramente de Evans, uma vez que o britânico se impôs em quatro das classificativas disputadas.

Elfyn parece mais adaptado às condições do que os seus principais adversários de Monte Carlo, Sebastien Ogier e Thierry Neuville, que nesta segunda tirada foram claramente menos eficazes, mesmo do que Rovanpera, um jovem de 19 anos que parece ter um futuro sorridente pela frente.

Ogier terminou o dia na quarta posição, mas a mais de 17 segundos do líder, enquanto Neuville sentiu algumas dificuldades no segundo dos Hyundai e terminou a jornada na sexta posição, a mais de 23 segundos de Elfyn Evans e a pouco mais de dois de Esapekka Lappi, que foi o melhor representante da M-Sport Ford, na quinta posição da ‘geral’.

Quando a Craig Breen, chamado a substituir Sebastien Loeb na Hyundai, não esteve mal neste primeiro dia e só perdeu seis décimas para Thierry Neuville, concluindo o dia no sétimo posto, à frente de Teemu Suninen, no seu Fiesta WRC da M-Sport Ford.

Já Jari-Matti Latvala, aos comandos de um Toyota privado, tendo o ex-piloto Juho Hanninen como navegador, protagonizou um pião que o fez perder dois minutos e o ‘atirou’ para fora do top dez.

Classificação após a 5ª PE
1º Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota) 30m43,7s
2º Ott Tanak/Martin Jarveoja (Hyundai) + 8,5s
3º Kalle Rovanpera/Juho Halttunen (Toyota) + 14,3s
4º Sebastien Ogier/Julien Ingrassia (Toyota) + 17,8s
5º Esapekka Lappi/Janne Ferm (Ford) + 20,9s
6º Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai) + 23,6s
7º Craig Breen/Paul Nagle (Hyundai) + 24,2s
8º Teemu Suninen/Jarmo Lehtinen (Ford) + 31,4s
9º Takamoto Katsuta/Daniel Barritt (Toyota) + 49,6s
10º Mads Ostberg/Torsten Eriksen (Citroën) + 1m50,4s

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir