Motociclismo

ASO revê classificação e declara Sam Sunderland vencedor da quinta etapa do ‘Dakar’

Depois de Daniel Elena ter criticado a ASO, eis que de novo a organização do Rali Dakar 2019 se vê no centro das atenções. Desta vez foi uma revisão às classificações da competição das motos, que declara Sam Sunderland como vencedor da quinta etapa.

Com a revisão dos resultados, o britânico da KTM vence a tirada entre Tacna e Arequipa, com 3m23s de vantagem sobre Xavier de Soultrait e 3m23s sobre Mattias Walkner, com o espanhol Lorenzo Santolino a ser a grande surpresa do dia ao alcançar o quarto melhor tempo, a quatro minutos do vencedor.

Estes resultados não retiram Ricky Brabec da liderança da classificação geral, mas colocam Sunderland no segundo posto a 59 segundos do norte-americano da Honda, que na etapa foi apenas 11º, a 6m46s do britânico da KTM.

A revisão das classificações não alteram o resultado do melhor português, Joaquim Rodrigues Jr, que é 18º na etapa e é 28º na ‘geral’, sete posições abaixo de Mário Patrão, que foi 29º na etapa, duas posições atrás de António Maio, que na ‘geral’ é 30º.

Classificação após a 5ª etapa

1º Ricky Brabec (Honda) 16h51m34s

2º Sam Sunderland (KTM) + 59s

3º Pablo Quintanilla (Husqvarna) + 2m52s

4º Toby Price (KTM) + 3m21s

5º Matthias Walkner (KTM) + 6m17s

6º Adrien Van Beveren (Yamaha) + 6m36s

7 º Kevin Benavides (Honda) + 9m01s

8º Xavier de Saultrait (Yamaha) + 18m37s

9º Stefan Svitko (KTM) + 26m28s

10º Andrew Short (Husqvarna) + 27m54s

Mais partilhadas da semana

Subir