Benfica

Ventura contesta a “desvieirização”

André Ventura, conhecido adepto do Benfica, revelou que está a ser planeado um movimento para fazer cair Luís Filipe Vieira.

O comentador e político fez a revelação sem dar grandes detalhes, dando apenas conhecimento de ter recebido “uma dessas almas que gosta de se considerar candidato natural, seja lá o que isso for”, à presidência do Benfica.

Um movimento que, acrescentou, está a ser realizado “ao arrepio do presidente”, aproveitando para lembrar que Luís Filipe Vieira foi “esmagadoramente sufragado pelos sócios” há pouco mais de um ano.

“É preciso dizer isto com clareza: estão a ser feitos testes e sondagens aos benfiquistas sobre candidaturas à presidência do clube”, escreveu André Ventura.

Na mesma denúncia, o conhecido adepto insistiu que essa “alma” que recebeu no gabinete defendeu com veemência a queda do presidente do Benfica.

“Apontando para uma das molduras que ali tenho, disse à boca cheia que o primeiro passo indispensável é a ‘desvieirização’ do Benfica”, insistiu Ventura.

Para contestar essa “desvieirização”, o comentador lamentou que haja benfiquistas que já tenham esquecido “o tri, o tetra, as finais europeias”.

Por enquanto, o conhecido adepto está ao lado de Vieira. Mas por quanto tempo?

“Apesar da amizade, o meu apoio a Luís Filipe Vieira não é cego. Poderá nem se repetir, ninguém sabe! Mas fazer do desaparecimento de Vieira um projeto de liderança do Benfica é ingrato e imoral”, concluiu André Ventura, prometendo manter a moldura “independentemente do desfecho deste ou daquele processo judicial”.

Mais partilhadas da semana

Subir