Nas Notícias

Trabalhadores dos CTT fazem apelo aos portugueses

Os trabalhadores dos CTT vão avançar para uma greve a 23 de fevereiro e, nesse dia, também está prevista uma manifestação nacional, em Lisboa, tendo em vista lutar contra a decisão da administração de fechar estações e despedir cerca de 800 funcionários. Os funcionários pedem aos portugueses que se juntem nesta luta.

“As estações estão a encerrar de um dia para o outro, os trabalhadores estão a ser avisados que se devem apresentar noutra estação dos Correios, mas os clientes não estão a ser avisados. Vão levantar os apartados, por exemplo, e depois está lá um papelinho a dizer: ‘dirija-se a tal parte e aí ser-lhe-á prestado o serviço. Isto é uma vergonha”, explica o presidente do Sindicato Nacional dos Trabalhadores dos Correios e Telecomunicações.

Em declarações à Renascença, Vítor Narciso revela que nesta manifestação estão todos os sindicatos mas os trabalhadores dos CTT esperam ter o apoio das populações.

Trabalhadores reclamam aumento de salário

A manifestação servirá também para os trabalhadores dos CTT exigirem”quatro por cento de aumento e com um aumento mínimo de 40 euros” nos salários deste ano.

“A administração dos CTT comunicou à CMVM que os salários dos trabalhadores serão congelados nos próximos anos, mas nós não temos nada a ver com isso. Queremos aumentos salariais para 2018 e não aceitamos como justificação que tenha de se dar dinheiro aos acionistas”.

 

Mais partilhadas da semana

Subir