Mundo

Governo britânico estuda novo financiamento para o caso Maddie

O Ministério do Interior britânico está a avaliar um novo pedido de financiamento, feito polícia metropolitana, para continuar com a investigação do desaparecimento em Portugal de Madeleine McCann até setembro.

De acordo com um porta-voz do Ministério do Interior britânico, em declarações à agência Lusa, “a Polícia Metropolitana fez um novo pedido de financiamento, que está atualmente a ser avaliado”, sendo que os “recursos necessários são revistos regularmente após uma avaliação rigorosa antes de ser atribuído qualquer novo financiamento”.

O montante que poderá vir a ser atribuído ou o período a que se destina não são ainda conhecidos mas, no início de 2017, aquando de um pedido semelhante pela mesma entidade, foram fornecidas 85 mil libras, cerca de 100 mil euros, para serem gastos no espaço de seis meses, entre abril e setembro.

Ao todo, desde 2011, estima-se que a investigação tenha custado mais de 12 milhões de libras, 14 milhões de euros.

“Temos algumas linhas de investigação cruciais, elas estão ligadas a certas hipóteses, mas não vou discuti-las porque fazem parte de uma investigação em curso. Temos algumas teorias sobre o que podem ser as explicações mais prováveis e estamos a investigá-las”, referiu o diretor geral adjunto da polícia metropolitana, Mark Rowley, em abril.

A Metropolitan Police do Reino Unido é responsável pela segurança na área metropolitana de Londres, além de ter responsabilidade no combate ao terrorismo e na proteção de personalidades, bem como ser encarregue de várias missões e casos a nível nacional.

Receba esta e outras notícias virais no seu e-mail todos os dias!


Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir
error: