EUA

EUA deixam UNESCO 14 anos após o regresso

Os EUA abandonaram a UNESCO em 1980, alegando má gestão e instrumentalização política. Regressaram em 2003 e agora anunciam que vão sair novamente, quando 2017 terminar. O motivo? Má gestão e instrumentalização política.

A decisão da administração Trump colheu o mundo de surpresa, apesar das crescentes críticas do Presidente ao modelo de financiamento. A 31 de dezembro, os EUA retiram-se da UNESCO, a agência da ONU para a Educação, a Ciência e a Cultura.

Em comunicado, o Departamento de Estado norte-americano justificou a decisão que “não foi tomada de ânimo leve”: “Reflete as preocupações dos EUA com dívidas crescentes, a necessidade de reformas na instituição e uma tendência anti-Israel”.

“Dívidas” como as dos… EUA. Desde 2011, quando a UNESCO aprovou a inclusão da Palestina como membro, que o país deixou de cumprir com o financiamento.

Receba esta e outras notícias virais no seu e-mail todos os dias!


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir