Nas Notícias

Deputado do PSD defende touradas e é contra o “poder da bicharada”

Feliciano Barreiras Duarte, deputado do PSD, defendeu a tourada com um aviso sobre o “tempo perigoso” em que vivemos. O parlamentar não aceita “que os animais tenham mais direitos do que as pessoas” e considera que há um “declínio do valor da pessoa em favor do poder dos animais e da bicharada”, que “é protagonizada por gente que convive bem com misérias humanas junto à sua porta”.

“Esta espécie de declínio do valor da pessoa é protagonizado por gente que convive bem com misérias humanas”.

O social-democrata defendeu “a festa brava”, em nome da tradição, num artigo de opinião publicado no Sol.

“Esta espécie de declínio do valor da pessoa em favor do poder dos animais e da bicharada é protagonizada por gente que convive bem com misérias humanas junto à sua porta”.

O deputado do PSD lembrou as propostas legislativas de há dois anos, que visavam impor restrições às touradas, para atacar os mesmos que “noutras ocasiões votaram contra propostas que visavam o reforço das medidas de apoio ao envelhecimento ativo dos nossos idosos”.

Propostas legislativas que variavam entre a proibição das touradas, “quase totalitária”, e outras “mais manhosas, como as que preconizam a exclusão das corridas de touros do regime fiscal aplicável”, reforçou Feliciano Barreiras Duarte.

“Eu não aceito – e nunca aceitarei – que os animais tenham mais direitos do que as pessoas”.

“Não aceito que o Estado se meta com costumes e tradições que são parte das identidades de comunidades e de territórios, como no caso das touradas sucede com o Alentejo e o Ribatejo, e depois recuse apoiar as pessoas mais frágeis da nossa sociedade”, frisou o deputado do PSD.

Receba esta e outras notícias virais no seu e-mail todos os dias!


Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir