Motociclismo

Sandro Peixe inicia temporada a ganhar em Moçarria

Luís Correia e Hugo Basaúla foram as ausências mais notadas na primeira prova do Campeonato Nacional de Motocross, que decorreu no Crossódromo da Carneira, na localidade ribatejana da Moçarria.

Na terra natal de Luís Coreia foi Sandro Peixe quem levou a melhor, apesar do grande destaque ser a presença de Rui Gonçalves, o vice-campeão do Mundo de MX2 em 2009, agora com o ‘coração’ dividido entre o enduro e o motocross.

Foram 82 os pilotos que marcaram presença na pista de 1500 metros de extensão, divididos pelas três categorias, sendo que depois de mais dois anos de ‘jejum’ Sandro Peixe subiu ao lugar mais alto nas MX1 e na Elite.

O piloto da Glória do Ribatejo liderou todas as voltas da primeira manga, primeiro na frente de Luís Oliveira e mais tarde face a Rui Gonçalves, que passou Oliveira antes de concluída a quarta volta e não mais largou o segundo posto.

Na segunda corrida foi Gonçalves quem liderou até à 10ª volta, quando ficou sem gasolina na sua moto e deixou o caminho aberto para que Luís Oliveira fosse o segundo classificado atrás de Peixe, mas à frente de Carlos Alberto e Jonathan Rodriguez.

Já na Elite, prova que encerrou o programa, Sandro Peixe impôs-se depois de liderar todas as voltas, batendo Rui Gonçalves e Luís Oliveira. Diogo Graça e Luís Outeiro foram os melhores MX2.

Diogo Graça venceria a prova de abertura das MX2, que teve quase 40 participantes, batendo Ricardo Freire e Luís Outeiro. Já na segunda corrida Diogo Graça e Luís Outeiro protagonizaram um grande duelo, que Graça viria a vencer, terminando Ricardo Solva na terceira posição, diante de Ricardo Freire e Bruno Charrua.

No Campeonato de Inciados, com 18 pilotos em prova, impôs-se Fábio Costa, na frente de Afonso Gomes e Daniel Garcia. Costa ganhou ambas as mangas e assumiu o comando do campeonato nacional, rumo à segunda etapa da prova, que se dia 24 de março na localidade ribatejana do Granho.

Mais partilhadas da semana

Subir