Motores

Paulo Moreira atingiu os seus objetivos na ‘pérola do Atlântico’

PauloMoreiraMadeira4

Paulo Moreira faz um balanço positivo da sua participação no Rali Vinho Madeira, a quinta ronda do campeonato nacional da especialidade, que no passado fim-de-semana se disputou naquela que também é conhecida como a ‘pérola do Atlântico’

Uma prova em piso de asfalto que ficou marcada pelo calor, que dificultou a tarefa dos pilotos e na qual se incluiu o piloto do Montijo e o seu navegador Pedro Alves.

Neste enorme desafio, Paulo Moreira tinha um objetivo, que era chegar ao fim bem classificado entre os concorrentes das duas rodas motrizes, que conseguiu ao chegar a rodar entre as posições que dão direito ao pódio da categoria. Contudo o azar bateu à porte e foi obrigado a abandonar na primeira etapa.

“O dia começou bem, não conseguimos os tempos que queríamos mas conseguíamos andar na luta pelos nossos objetivos. Melhoramos nas segundas passagens e quando a confiança começava a ficar em alta, uma transmissão partida deixou-nos parados no meio da PE 5”, salientou Paulo Moreira.

PauloMoreiraMadeira3

Depois o piloto ribatejano voltou à prova ao abrigo da regra’super rali’, mas nem tudo foi fácil. “O objetivo na última etapa era terminar e fazer pontos e esse objetivo conseguimos. A toada foi defensiva de modo a poupar o carro”, explicou.

“No final do rali um problema de embraiagem que nos acompanhou o dia todo ia deitando tudo por terra, mas conseguimos levar o Fabia até ao pódio final.

Foi um bom trabalho da equipa Monteiros Competições e agora venha Mortágua”, remata Paulo Moreira, segundo classificado nos RC4 do campeonato nacional, onde é sexto nos duas rodas motrizes.

6Shares

Mais partilhadas da semana

Subir