Motociclismo

Paulo Gonçalves o terceiro mais rápido na entrada da Rota da Seda na China

Depois do revés sofrido na sexta etapa do Rali Rota da Seda, Paulo Gonçalves parece ‘levantar a cabeça’, depois de ter sido o terceiro mais rápido da competição das motos na entrada da prova em território chinês.

‘Speedy’ esteve consistente aos comandos da Hero # 4, ainda que tenha terminando a 3m05s do mais rápido na competição das duas rodas, o seu antigo companheiro de equipa na Honda, Kevin Benavides.

No percurso de 326 quilómetros entre Balyn Baolige e Ashan o sul-americano da Honda gastou 4m20m37s, batendo por 42 segundos o francês Adrian van Beveren, da Yamaha.

“Estou contente por regressar de novo à corrida. Terminei a primeira etapa na China e foi também uma grande etapa, com muitas dunas e trilhos cheios de areia. Inicialmente tive algumas dificuldades em concentrar-me, por isso perdi um pouco de tempo na primeira parte da especial”, explicou Paulo Gonçalves no final do dia.

O piloto de Esposende contou também: “Na segunda parte da etapa consegui encontrar o meu ritmo de novo e terminar na terceira posição. Por isso estou muito contente com o meu desempenho hoje e ansioso por outra especial amanhã no deserto de Gobi”.

19Shares

Em destaque

Subir