Nas Notícias

Fernando Medina: “Panteão não é para jantares”

O presidente da Câmara de Lisboa subscreve a posição do primeiro-ministro quanto à não utilização do Panteão Nacional para jantares. “O Governo vai tomar medidas, concordo com elas”, garantiu Fernando Medina.

Questionado à margem de uma cerimónia no Aeroporto Humberto Delgada, o sucessor de António Costa na autarquia lisboeta manifestou total apoio às intenções proclamadas pelo agora primeiro-ministro.

“Concordo com a posição do Governo”, afirmou Fernando Medina: “Acho que o Panteão não deve ter essa utilização, o Governo vai tomar medidas, concordo com elas”.

Justificando desconhecer a organização de um jantar no monumento, o presidente da Câmara de Lisboa lembrou que não lhe compete gerir o Panteão.

0Shares

Em destaque

Subir