Fórmula 1

Hamilton e a Mercedes são a referência no começo da pré-época de F1 em Barcelona

Lewis Hamilton averbou o melhor tempo no primeiro dia os testes de pré-época que hoje se iniciaram no Circuito da Catalunha-Barcelona.

Com os pneus mais duros da Pirelli (C2) a ‘calçar’ o Mercedes W11 # 44, o Campeão do Mundo realizou uma volta ao traçado espanhol em 1m16,976s, batendo por 0,337s a marca conseguida pelo seu companheiro de equipa Valtteri Bottas.

Hamilton completou 94 voltas da parte da tarde, enquanto o finlandês perfez 79 na sessão matinal, usando o composto médio de pneus (C3).

Sergio Pérez foi o terceiro mais rápido no Racing Point RP20, gastando mais 0,399s que Lewis Hamilton, ao cabo de 58 voltas, sendo mais de uma décima mais rápido que Max Verstappen, que no Red Bull RB16 perfez umas massivas 168 voltas e obteve a quarta marca do dia, diante de outro piloto usando motor Honda, , Daniil Kvyat, no Alpha Tauri T01.

Carlos Sainz Jr levou o Mclaren MCL35 ao sexto lugar da tabela de tempos, conseguindo completar 161 voltas, contra apenas 54 de Daniel Ricciardo, que foi o sétimo mais veloz mas que teve de dividir a condução do Renault R.S.20 com Esteban Ocon, que se colocou logo atrás do australiano.

Bastante mais satisfeito com o Williams FW43 do que com o carro que guiava no ano passado, George Russell foi o nono melhor, diante de Lance Stroll, que também dividiu o Racing Point com Sergio Pérez.

A grande deceção veio da Ferrari, que não foi além do 11º registo de Charles Leclerc, que perfez 131 voltas. O monegasco só deveria ter rodado metade da jornada, mas acabou por se manter ao volante em virtude de um Sebastian Vettel dominuído fisicamente.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir