Internacional

“Estas histórias fazem-me rir”, diz atriz italiana sobre acusação de Ronaldo

Laura Chiatti pronunciou-se em ‘defesa’ de Cristiano Ronaldo no caso da alegada violação. A atriz italiana juntou-se aos defensores do português, depois de Wanda Nara, mulher de Icardi, jogador do Inter, também se ter manifestado solidária.

“Só posso dizer que estas histórias fazem-me rir. Dez anos depois, estas meninas lembram-se que foram assediadas. Acredito que um profissional como Cristiano Ronaldo nunca precisou de assediar ninguém. Acredito mais no contrário”.

Quem o diz é Laura Chiatti, uma atriz italiana que se juntou à ‘defesa’ do internacional português.

As declarações da atriz surgem no seguimento das palavras de Wanda Nara ao ‘Tuttosport’.

A representante e mulher de Mauro Icardi, jogador do Inter, está habituada a ver o seu nome nas manchetes e, por isso, mostrou-se solidária com o português.

“É uma situação muito difícil, também porque é uma área da vida privada. Não sabemos o que aconteceu, mas o único que realmente tem algo a perder é o Cristiano”, assumiu.

A argentina acrescentou que “se alguém vive uma situação destas, tem todo o direito de processar”, mas não entende o “propósito de trazer o assunto para diante das câmaras”.

Recorde-se que o internacional português enfrenta um processo de violação. Kathryn Mayorga diz-se vítima de Ronaldo, num episódio que remonta a 2009.

Mais partilhadas da semana

Subir