Velocidade

Armando Parente sexto na FA1 em Portimão após boa recuperação

ArmandoParente214ArmandoParente214 600Armando Parente terminou na sexta posição a primeira corrida do fim-de-semana da Fórmula Acceleration 1 (FA1)no Autódromo de Portimão. O piloto que defende as cores de Portugal na competição que utiliza os monolugares do antigo A1 Grand Prix das Nações fez a prova possível.

É que o piloto português foi obrigado a arrancar das boxes ao não conseguir sair a tempo para a volta de formação da pré-grelha. Por isso teve de encetar uma grande recuperação, ocupando o sétimo posto por altura da obrigatória paragem nas boxes para trocar de pneus.

Ainda Armando Parente chegou a estar na quinta posição, mas não evitou que Richard Gonda recuperasse o lugar, não tirando assim partido da penalização imposta a Sergio Campana. O piloto português sentiu.-se muito cansado “como resultado de não guiar um monolugar há quarto anos”.

“Já só consegui levar o carro até ao fim”, admitiu o piloto que tripulou o carro com as cores de Portugal mas pertença do Team Ghinzani, cujo outro piloto acabou por se vencer com alguma facilidade a corrida, impondo-se a Nigel Melker.

Sebastian Baltahzar ocupou o último lugar do pódio, levando a melhor sobre Félix Rosenqvist após as paragens nas boxes, apesar do sueco ter arrancado à sua frente.

Classificação

1.º Mirko Bortolotti 19 voltas
2.º Nigel Melker + 5,057s
3.º Sebastian Balthasar + 29,325s
4.º Felix Rosenqvist + 36.735s
5.º Richard Gonda + 58.518s
6.º Armando Parente + 1m09,433s
7.º Oliver Campos + 1m12,478s
8.º Sergio Campana + 4 voltas

Mais partilhadas da semana

Subir