Mundo

NATO saúda “cimeira histórica” EUA/Coreia do Norte e esforços de desnuclearização

O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, considerou hoje “histórica” a cimeira entre os EUA e a Coreia do Norte, em Singapura, saudando os esforços para a desnuclearização da península coreana.

“A NATO saúda a cimeira histórica entre o Presidente dos Estados Unidos [Donald Trump] e o líder da República Popular Democrática da Coreia [Kim Jong-un]”, segundo um comunicado de imprensa de Stoltenberg.

O responsável salientou que a Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO, na sigla inglesa) “apoia todos os esforços que conduzam a uma desnuclearização da Península Coreana, sendo que o cumprimento deste objetivo contribuirá para a segurança dos aliados, da região e de toda a comunidade global.

Os líderes dos EUA e da Coreia do Norte apertaram hoje as mãos e acordaram a “total desnuclearização” da península coreana, com Donald Trump a passar a imagem de uma reunião de sucesso.

Na declaração inicial, Trump disse que deu “garantias de segurança” à Península coreana e que em troca recebeu a promessa de total desnuclearização do programa de armamento norte-coreano, considerando que as negociações correram “muito bem”, mas avisando que o processo é longo e que deverá ser necessário um segundo encontro com o seu homólogo norte-coreano.

Mais partilhadas da semana

Subir