Nas Notícias

Jardim e Guilherme Silva ao lado de Rio

Rui Rio recebeu um apoio de peso da Madeira. Alberto João Jardim, o histórico presidente do Governo regional, e Guilherme Silva, em tempos o homem-forte do aparelho madeirense, declararam apoio à candidatura.

Alberto João Jardim declarou, em entrevista à RTP, que vai votar em Rui Rio nas diretas de janeiro, por se rever no “perfil renovador” deste candidato.

No entanto, Santana Lopes tem “o aparelho partidário ao seu lado”, alertou Alberto João Jardim.

“É preciso haver uma mudança clara no PSD e no país”, insistiu o histórico líder do PSD/Madeira, criticando a “clivagem geracional” que a liderança de Passos Coelho deixa ao sucessor, seja Rui Rio, seja Santana Lopes: “Um dos erros enormes que houve nesta geração ‘millenials’ do PSD é que entenderam que todos os que tinham mais de uma certa idade eram para abater”.

“Fizeram a barraca que fizeram no país, foram mais papistas do que o Papa e entraram por um caminho que nem os prémios Nobel da economia defendiam, que é retirar moeda de circulação e fazer uma espécie de genocídio social”, comentou Alberto João Jardim, não desperdiçando a oportunidade de criticar o antigo Governo do PSD de Passos Coelho.

Mas o apoio de Jardim não é o único. Guilherme Silva, o braço-direito do então presidente do Governo regional no PSD Madeira, também declarou apoiar a candidatura de Rui Rio à presidência do partido.

“Será o candidato que poderá dar uma volta ao partido e por via dele o partido dar uma volta ao país”, defendeu Guilherme Silva, em declarações ao I.

Receba esta e outras notícias virais no seu e-mail todos os dias!


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir
error: