Nas Notícias

Oito jovens detidos em praia algarvia por suspeitas de imigração ilegal

Oito jovens foram hoje detidos por suspeitas de imigração ilegal depois de terem sido intercetados na praia de Monte Gordo, em Vila Real de Santo António, disse à Lusa fonte do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Segundo a mesma fonte, as autoridades estão agora a proceder a diligências para “apurar a nacionalidade e as idades” dos oito jovens – transportados para o comando local da Polícia Marítima de Vila Real de Santo António, no distrito de Faro -, que alegam ser marroquinos, mas que não possuem documentos.

Em declarações à Lusa, fonte da capitania local adiantou que os jovens, todos rapazes, com idades entre 16 e 20 anos, foram intercetados “escondidos nas dunas” daquela praia, depois de um alerta de populares, não “aparentando requerer cuidados especiais” e dizendo apenas que tinham fome.

De acordo com a fonte, os jovens alegam que provêm da cidade de El Jadida, em Marrocos, e que estiveram durante cinco dias no mar até desembarcarem naquela praia do distrito de Faro.

Em dezembro de 2007, as autoridades detetaram um grupo de 19 imigrantes alegadamente provenientes de Marrocos na ria Formosa, junto a Olhão, naquele que foi o primeiro incidente do género registado na costa portuguesa.

0Shares

Em destaque

Subir