Motores

Elisabete Jacinto mantém sétimo lugar no Marrocos Desert Challenge

A sexta etapa do Marrocos Desert Challenge foi uma das jornadas mais complicadas deste rali maratona que se está a disputar no norte de África, mas Elisabete Jacinto conseguiu manter o seu sétimo posto da classificação geral dos camiões.

Numa tirada que compreendia um setor cronometrado de 306 quilómetros, que se iniciava em Merzouga e terminava em Boudnib, a equipa do MAN TGS da Bio-Ritmo conheceu um percalço depois de ter feito uma longa travessia pelas dunas. Isso fez Elisabete Jacinto, José Marques e Marco Cochinho perderem uma hora para resolver a situação, terminando no 16º posto entre os T4.

Foto: AIFA

A piloto do Montijo e os seus companheiros de equipa esperam não ter mais problemas na penúltima etapa, que se cumpre sábado entre Boudnib e Matarka, e que inclui uma especial cronometrada de 410 quilómetros, seguindo pelas planícies de Hamada e pelo planalto de Rekkam. Depois das pistas arenosas do sul de Marrocos, no norte os pilotos vão encontrar vales desertificados, pistas de pedra e montanha mas as paisagens permanecem fabulosas.

Mais partilhadas da semana

Subir