Economia

Bolsa de Lisboa encerra em alta pela segunda sessão consecutiva

A bolsa de Lisboa encerrou hoje em alta, pela segunda sessão consecutiva, com o índice PSI20 a subir 0,74 por cento para 5.131,51 pontos, em linha com as principais bolsas europeias.

Das 18 cotadas que integram o PSI20, 11 subiram, quatro desceram e três acabaram inalteradas. A Mota-Engil liderou os ganhos e avançou 3,39 por cento para 1,89 euros.

Nas principais subidas ficaram ainda a Semapa (2,54 por cento para 15,32 euros), a Altri (2,19 por cento para 7,46 euros), a Navigator (1,72 por cento para 4,25 euros) e a Galp (1,58 por cento para 13,80 euros).

No ano passado, o lucro da Galp aumentou 23 por cento para 707 milhões de euros, em relação a 2017, impulsionado pela entrada em operação de novas plataformas de exploração de petróleo e gás natural no Brasil, anunciou a petrolífera na segunda-feira.

Com valorizações acima de 1 por cento terminaram ainda a Ramada Investimentos (1,32 por cento para 7,70 euros) e a EDP (1,01 por cento para 3,19 euros). O BCP somou 0,95 por cento para 0,23 euros.

Com ganhos mais baixos ficaram a Corticeira Amorim (10,08 euros), a EDP Renováveis (7,86 euros) e a Sonae SGPS (0,91 euros).

Em sentido contrário, a Ibersol desceu 3,62 por cento para 7,98 euros, a Sonae Capital perdeu 0,67 por cento para 0,89 euros, os CTT baixaram 0,26 por cento para 3,11 euros e a Jerónimo Martins cedeu 0,19 por cento para 12,93 euros.

A REN (2,62 euros), a Pharol (0,18 euros) e a NOS (5,50 euros) ficaram inalteradas.

No resto da Europa, Frankfurt ganhou 1,01 por cento, Paris 0,84 por cento, Madrid 0,52 por cento e Londres terminou com uma valorização mais ligeira de 0,06 por cento, com os mercados otimistas sobre as negociações comerciais entre Estados Unidos e China.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir